Meu 2015: Me importar menos e ser mais

Meu 2015: Me importar menos e ser mais

2015 foi um ano muito difícil pra mim além de ser o ano de muitas reviravoltas na minha vida.

Não está na ordem por acontecimento, mas quero compartilhar com vocês alguns deles:

  • Larguei minha carreira na área de desenvolvimento de games e aplicativos;

  • Passei pela pior fase da depressão;

  • Conheci Caldas Novas (que era o meu sonho) e viajei para Brasília e Belo Horizonte (para matar a saudade da família);

  • Me aproximei mais de Deus e minha vida com Ele mudou;

  • Criei meu canal no YouTube;

  • Engatei com o blog;

  • Finalmente aceitei tratar a depressão devidamente;

  • Me interessei por fotografia;

  • Cortei o cabelo curtinho;

  • Doei meu cabelo (vídeo em breve);

  • Iniciei o processo de voluntariado no GRAAC (vídeo em breve);

Milhares de outras coisas aconteceram, mas não conseguiria relatar todas aqui. Esse ano de 2015 vai ficar marcado pra mim, porque, além de tudo que já foi listado, foi o ano que resolvi me importar menos com a opinião dos outros e ser mais quem eu sou.

Muitas pessoas me chamaram de corajosa por várias decisões que tomei. Na verdade, eu estava morrendo de medo, mas o que importava pra mim era a minha felicidade. Afinal, a vida é minha e só se vive uma vez. Chega de se importar com o que os outros pensam, esperam e querem de mim.

Conheci pessoas maravilhosas que me ajudaram, sem nenhuma intenção em troca. Me aproximei e fiz amizades inesperadas. Uma delas, me ajudou muito na época da depressão e na criação do canal. Aprendi a valorizar os pequenos acontecimentos na vida, neles estão a verdadeira felicidade. Me apaixonei cada vez mais pelo blog e principalmente pelo canal.

Só tenho a agradecer. Você que me apoiou quando criei o canal. Que me ajudou a melhorar cada post e vídeos, com sugestões criativas e ideias interessantes. Obrigada a você que me deu coragem para ir em frente, quando eu pensava em desistir. Obrigada a você que me mandou mensagens de carinho quando desabafei sobre a depressão. Obrigada a todos por tudo que fizeram por mim esse ano.

Se ame mais, viva mais, se aceite mais, se permita mais e saia da sua zona de conforto.

Obrigada Jesus, por não desistir de mim. Que venha 2016! Com Ele, tudo posso!

Lika

Related